Fechar
[contact-form-7 404 "Not Found"]

6 dicas para fazer um planejamento de palavras-chave eficientes para o seu blog

Por staloblog
29 de janeiro de 2019

O blog, além de ser um espaço para gerar conteúdos atraentes, é fundamental para um bom rankeamento no Google. Através dos textos, conseguimos inserir estratégias de SEO para que ele fique nas primeiras páginas das pesquisas do usuário. Por isso, fazer um bom planejamento de palavras-chave é fundamental.

Continue acompanhando o nosso artigo e aprenda dicas para alavancar a sua estratégia.

Entenda a importância das keywords

É impossível não pensar no Google quando queremos fazer uma pesquisa. Por isso, a ferramenta de busca utiliza de mecanismos e algoritmos para garantir que o usuário tenha a melhor experiência possível e encontre o que está procurando.

Ao escrever na barra de pesquisa, o internauta digita as principais palavras-chave para encontrar sites relevantes e confiáveis. Por isso, se o seu blog/site não tiver uma estratégia de keywords bem estruturada, você não será encontrado.

Dessa forma, você precisa mostrar ao Google que o seu site possui as informações que aquele usuário está buscando. Com isso, as chances de a sua página aparecer nas primeiras posições de resultados são maiores.

É o ideal para quem busca otimizar resultados, melhorar a estratégia de SEO, trazer público para o seu site e gerar novos leads.

Mas, tentar adivinhar o que o seu potencial cliente não é uma tarefa nada fácil. Por isso, a seguir, montamos uma lista de dicas para você entender como funciona esse planejamento.

6 dicas de como fazer um planejamento de palavras-chave

1 – Entenda o seu mercado

Em primeiro lugar, é preciso entender as principais tendências do seu mercado. Se você é do ramo de tecnologia, pode ser que a Cloud Computing seja o assunto do momento. Por isso, as pessoas estejam pesquisando mais sobre esse tema.

Ou se você é do ramo de automóveis, pode ser que o seu público esteja procurando por informações sobre IPVA ou os principais lançamentos de carros em 2019.

É preciso estar atento as datas e as principais novidades que envolvem o seu nicho. Tudo deve estar ligado ao seu negócio e as palavras-chave devem ser pensadas a partir disso.

2 – Desmistifique o seu público

É preciso entender o seu público. Afinal, é para ele que você vai escrever os conteúdos. Por isso, todos os seus textos devem gerar autoridade e garantir conhecimento a quem vai ler.

Você precisa pesquisar a fundo a sua persona e entender os seus gostos, onde ela gosta de buscar por informações e quais são as suas principais angústias, dúvida e dores.

Se o seu público já entende de tecnologia, provavelmente ele não vai pesquisar “O que é nuvem de computação”, mas sim “qual é o melhor modelo de cloud computing para o meu negócio”.

Fique atento ao seu SAC e aos seus vendedores. São eles quem recebem as principais dúvidas de quem já está interessado no produto. Entender o seu público será um grande passo para iniciar a sua jornada de planejamento de palavras-chave.

3 – Leve em conta o funil de vendas

A estratégia de funil de vendas é fundamental para quem busca ter sucesso no marketing digital. Por isso, é preciso levar em conta esse processo na hora de montar o seu planejamento de palavras-chave.

Em primeiro lugar é necessário entender que temos dois tipos de palavras-chave: cauda curta e cauda longa.

Cauda curta: são as palavras mais genéricas e geram maior demanda, como por exemplo: IPVA 2019.

Cauda longa: são mais específicas e, por isso, a quantidade de pesquisa é menor. Porém, consegue atrair um público mais segmentado para o seu negócio, como por exemplo: pagar IPVA 2019 em BH.

Com essa informação, você conseguira montar uma estratégia certa para atrair um público mais qualificado para o seu blog. Ao mesmo tempo poderá especificar o seu conteúdo de acordo com a etapa de funil em que o seu lead se encontra.

4 – Aposte nas ferramentas de planejamento certas

Como dissemos no início do texto, adivinhar o que o seu público realmente deseja é uma tarefa complicada. Mas o bom é que podemos contar com ferramentas específicas para isso, veja:

Google Ads – word planner: nada melhor do que o buscador mais utilizado do mundo para nos ajudar a entender o que o nosso público anda pesquisando, certo?

Por isso, uma das principais ferramentas utilizadas para fazer um planejamento de palavras-chave é o Google Ads. Com as ideias de keywords que você obteve ao entender o seu mercado e o seu público, você poderá saber se elas realmente funcionam ou não.

O Google vai te mostrar a relevância da palavra-chave, a concorrência, a média de pesquisas semanais e ainda irá sugerir outros termos relacionados que podem ser utilizados no seu texto.

Semrush: o Semrush é o queridinho de quem trabalha com marketing digital. As possibilidades são infinitas e também podemos contar com ele para fazer o nosso planejamento de palavras-chave.

A ferramenta keyword magic uniu todas as principais ferramentas de busca de keyword em um só lugar para facilitar a sua pesquisa. Além disso, você também tem a possibilidade de pesquisar os termos mais buscados dentro e fora do país.

Por lá, você obtém um dashboard completo com as principais tendências, pesquisas pagas e orgânicas. Além disso, você consegue ter acesso as principais perguntas feitas ao Google relacionadas ao seu assunto “Como”, “onde”, “por que”.

5 – Entenda as principais variáveis

Após fazer uma pesquisa através das ferramentas, é preciso entender as principais variáveis para fazer a melhor escolha:

Volume de pesquisa: aqui você consegue perceber a quantidade de pesquisa mensal feita através desse termo. Assim, é possível notar se o assunto é realmente interessante para o seu público.

Dificuldade: esse identificador mostra a dificuldade de emplacar o seu conteúdo nas primeiras posições do Google. Isso acontece quanto sites de autoridade já utilizam essa palavra. Um exemplo é celular. Provavelmente os comércios mais conhecidos estarão nos primeiros lugares.

Concorrência: definida entre baixa média e alta, essa variável permite saber a quantidade de empresas que compraram essa palavra-chave, tornando a concorrência ampla e mais difícil de o seu artigo ser encontrado em uma possível pesquisa.

6 – Faça análises e relatórios constantemente

Após utilizar as palavras-chave e iniciar a estratégia de SEO no seu texto, é primordial fazer análises e relatórios sobre o desempenho do artigo. Esteja atento de onde estão vindo a sua audiência.

Veja quais foram as principais palavras utilizadas para chegar até o seu conteúdo e procure padrões. Dessa forma, além de entender o seu público, você poderá sanar as principais dores da sua persona.

Fazer um bom planejamento de palavras-chave para o seu blog é primordial para ser encontrado na internet. Mas, nada disso será eficiente se você não conhecer o seu público.

Leia o nosso artigo e aprenda a identificar a sua persona e melhorar as suas estratégias de marketing digital.